Projeto Baleia Branca - Positividade, Empatia E Mais - E aí Ferrá

Projeto Baleia Branca - Positividade, Empatia E Mais

11:00:00

13 Reasons Why e Baleia Azul - o jogo suicida, ambos surgindo juntos trazendo mil e uma razões para ativar gatilhos e mil e uma razões para serem evitados. Você pode ler o que falei sobre 13 Reasons Why no Questões de Opinião, com direito a críticas de uma professora de Psicologia e um crítico de cinema, e acredito que não preciso me dar ao trabalho de opinar sobre o Baleia Azul, certo?

Então vamos ao que interessa. O Projeto Baleia Branca surgiu após o boom desses dois fatores que citei acima. Ele segue a linha do jogo Baleia Azul mas tem o sentido totalmente oposto. O Projeto Baleia Branca traz 50 desafios divididos em 5 partes, visando estimular o melhor em cada um dos participantes. Cada uma das partes estimula algo de importante em nossas vidas, sendo elas:
  • Amor próprio 
  • Melhoria nos relacionamentos 
  • Prática do bem 
  • Reflexão 
  • Gratidão
A escolha dessas divisões seguiu uma lógica de melhorar de dentro pra fora, aos poucos e estimulando outros aspectos que devem ser trabalhados em nossas vidas para nos desenvolvermos em prol da harmonia com nós mesmos.

Por isso começamos com o amor próprio, afinal de contas - para amarmos o próximo, precisamos nos amar primeiro. Para salvarmos o próximo, devemos nos salvar primeiro. Não é questão de egoísmo, mas de ter compaixão consigo mesmo para compreender que todos nós devemos ser amados, inclusive por nós mesmos.


Em seguida, começamos a externalizar as coisas boas que começamos a aprender nos primeiros 10 desafios. A melhoria nos relacionamentos tenta trazer pra mais perto aqueles que queremos, além de incentivar a demonstração dos sentimentos de uma forma sutil. Melhorar os nossos relacionamentos nos ajuda a facilitar a convivência e traz mais harmonia para todos os envolvidos.

Entramos então na prática do bem, que vai desde ajudar um cachorro até elogiar um completo estranho. Quando externalizamos algo positivo para aqueles que estão ao nosso redor, mesmo que não haja intimidade nenhuma, ajudamos na proliferação da positividade. 

Reflexão é o primeiro tópico a ser trabalhado com nós mesmos no dia a dia. Refletir é algo que promove o autoconhecimento e um melhor entendimento daquilo que nos cerca. Conforme refletimos sobre nossas ações, sobre as relações de tudo ao nosso redor, começamos a abrir os olhos e a compreender o mundo de outra forma. Uma forma mais tranquila, geralmente.

Por fim, chegamos à Gratidão. Esse ponto é de uma importância tão grande que fica até difícil de explicar. Já falei bastante sobre gratidão aqui e sempre lembro do quanto a menina Daniele me ensinou sobre isso. Agradecer não é simplesmente falar Valeu Deus/Deusa/Universo/Vida por mais um dia de boas. Valeu aí alguém por mais um dia sem doenças graves. É isso também, mas vai muito além. Ser grato significa saber dar valor para as coisas boas, mesmo que pequenas e que pareçam insignificantes, e isso traz uma felicidade extrema. 

Ser grato significa entender que se algo deu errado, pode ter algo bom por trás. Significa quase brincar do "Jogo do Contente", como no livro Poliana, onde a menina vive a achar um motivo para sorrir em tudo - mesmo com tudo dando errado. Significa sorrir mais, cobrar menos, compreender mais, sofrer menos. É simplesmente essencial!

Hoje, o PBB existe no Facebook no grupo Projeto Baleia Branca e aquilo que os participantes resolverem compartilhar pode ser achado pela #ProjetoBaleiaBranca.

O PBB não tem fins lucrativos, visa unicamente ajudar aqueles que precisam e também auxiliar na melhoria da energia que nos cerca. Em alguns momentos, o grupo serve para coisas além do desafio, como um local de desabafos e empatia, onde muitos encontram um lugar para se abrir e buscar ajuda. 

Foi uma experiência incrível ver como do nada, pessoas tão desconhecidas puderam ajudar outras de uma forma tão bonita. Quem conseguiu desabafar no grupo não encontrou julgamentos ou preconceitos, foi uma alegria sem tamanho ver tamanha compaixão entre os participantes. Enquanto escrevo este post, estamos com cerca de 560 integrantes. Alguns participando ativamente, outros não, mas em todos os casos tendo uma energia super positiva sendo espalhada.

Hoje eu gostaria de convidar cada leitorzinho a vir participar comigo desse projeto maravilhoso. O Projeto Baleia Branca pode crescer bastante e ajudar muita gente ainda e quanto mais pessoas nós alcançarmos, maiores as chances de conseguirmos ajudar quem precisa! Para participar do Jogo, é só entrar no nosso grupo no Facebook e nos arquivos (pelo celular) ou na foto da postagem fixada (pelo computador) você vai achar os 50 desafios. 

Para ajudar o Projeto, você pode divulgá-lo da forma como achar melhor. Pelo facebook, por um vídeo, no boca a boca - toda divulgação é bem-vinda e nós não precisamos de ajuda financeira.

Se você for um(a) psicólogo(a) ou advogado(a), por exemplo, também pode ajudar ao participar do grupo e orientar os participantes em casos necessários. Sempre indicamos ajuda profissional para os casos necessários, poder contar com profissionais lá dentro, dispostos a ajudar o próximo, seria incrível! Outros profissionais também serão sempre bem-vindos!

Para saber mais sobre o Projeto Baleia Branca, tirar dúvidas ou enviar sugestões, você pode entrar em contato pelo meu e-mail: eaiferra@gmail.com que eu te responderei com o maior prazer!


You Might Also Like

0 Comentários